Pryor na Mídia
linkedin facebook instagram youtube

Insights

Enviando dinheiro para o exterior: o que você precisa saber

Enviar dinheiro para o exterior é uma prática cada vez mais comum em um mundo globalizado. Nesse contexto, é essencial explorar as diversas opções disponíveis para realizar transferências internacionais, considerando fatores como taxas, velocidade de processamento e segurança das transações. No artigo de hoje, abordaremos as diversas formas de enviar dinheiro para o exterior, destacando as vantagens e desafios de cada método para que os leitores possam tomar decisões informadas e eficientes em transações financeiras internacionais.

As taxas para enviar dinheiro para o exterior podem incluir vários componentes, incluindo taxa de câmbio, taxa SWIFT e IOF (Imposto sobre Operações Financeiras, no contexto brasileiro).

Imagem 2 com o logo

Quais as taxas envolvidas em uma transferência internacional?

Instituições financeiras e serviços de transferência geralmente aplicam uma margem sobre a taxa de câmbio interbancária, resultando em um custo adicional para o remetente. É importante estar ciente dessa margem ao calcular o valor final da transferência.

Algumas instituições cobram uma taxa adicional por transferências internacionais utilizando a rede SWIFT (saiba mais neste artigo), principalmente quando a transferência envolve bancos intermediários. Essa taxa pode variar entre bancos e serviços.

A alíquota do IOF (Imposto sobre Operações Financeiras) para transferências internacionais pode variar, sendo geralmente mais elevada para transferências não relacionadas a educação e turismo. Essa taxa é aplicada sobre o valor total da transação e pode influenciar o custo final da transferência.

Qual o limite de transferência para o exterior?

No contexto brasileiro, o Banco Central do Brasil (BACEN) estabelece um limite de R$ 10 mil por dia para transferências internacionais sem a necessidade de comprovação da origem dos recursos. Contudo, valores superiores a esse limite exigem a apresentação de documentos que justifiquem a operação, como o Imposto de Renda (IR).

Como transferir dinheiro para o exterior?

Transferências bancárias internacionais:

Ao usar transferências bancárias internacionais, é importante estar ciente das taxas envolvidas, que podem incluir não apenas as cobradas pelo seu banco, mas também taxas de bancos intermediários e do banco destinatário. Além disso, a taxa de câmbio pode variar, afetando o valor final recebido.

Serviços de Transferência Online:

As plataformas online oferecem interfaces intuitivas e taxas transparentes. A cotação da taxa de câmbio é geralmente apresentada de forma clara, permitindo que o cliente saiba quanto será convertido. Além disso, muitos desses serviços oferecem a opção de receber notificações sobre o status da transferência.

Casas de câmbio:

Algumas casas de câmbio também fornecem serviços de transferência internacional, permitindo que você envie dinheiro para o exterior. Os custos associados a essas transferências podem variar e devem ser cuidadosamente verificados.

Ainda tem dúvidas?

Com o setor de gestão de câmbio da Pryor Global, sua empresa pode comprar, vender e fazer transferências internacionais em várias moedas, bem como fazer pagamentos a fornecedores no exterior ou receber valores em moedas estrangeiras protegido da variação cambial.

Fale com nossos especialistas!

Compartilhe essa postagem

Posts recentes

Categorias

Social

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

A Pryor Global se preocupa com o uso de seus dados pessoais. Solicitamos apenas os dados necessários para podermos retornar seu contato. Estes dados serão devidamente protegidos. Para mais informações, consulte nossa Política de Privacidade".




pt_BRPT_BR